Monthly Archives: Fevereiro, 2018

Veja abaixo a íntegra da denúncia do Ministério Público contra o ex prefeito de Senador La Rocque, Francisco Nunes da Silva:

A Promotoria de Justiça da Comarca de Senador La Rocque protocolou, na última quinta-feira, 22, uma Denúncia contra Francisco Nunes da Silva, ex-prefeito do município, e Fiara Maria de Alencar Bueno Fialho. A Denúncia foi motivada pela assinatura de um contrato irregular de aluguel.

Em 16 de janeiro de 2013, o Município de Senador La Rocque assinou o contrato de aluguel de um prédio, de propriedade de Fiara Fialho, no qual deveria funcionar a sede administrativa da Prefeitura. O contrato, no entanto, não se enquadrava nas hipóteses previstas na lei n° 8.666/93 para dispensa de licitação, pois o Executivo Municipal contava com um prédio próprio como sede.

Além disso, não foi observada uma série de formalidades previstas na Lei de Licitações, como a avaliação prévia para verificar se o valor da locação era compatível com o praticado no mercado. O contrato também não menciona o número do processo de dispensa de licitação (o que gera dúvidas sobre a sua existência) e não houve publicação do instrumento do contrato na imprensa oficial.

De acordo com testemunhas ouvidas pela Promotoria, o contrato não teria sido precedido de licitação, além de ter sofrido prorrogações tácitas. Já o prédio no qual funcionava a Prefeitura de Senador La Rocque até o início da gestão de Francisco da Silva estava em estado razoável, precisando apenas de pequenos reparos de pintura e telhado.

“Nessa perspectiva, revela-se desarrazoada a decisão de alugar um imóvel para sediar a prefeitura municipal, notadamente considerando que o Município de Senador La Rocque possui prédio destinado a essa finalidade”, observa o promotor de justiça Edson de Miranda Cunha Filho.

O Ministério Público do Maranhão requer que Francisco Nunes da Silva e Fiara Maria de Alencar Bueno Fialho sejam condenados por “dispensar ou inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei, ou deixar de observar as formalidades pertinentes à dispensa ou à inexigibilidade”. A pena prevista na Lei de Licitações é de detenção de três a cinco anos, além de multa.

Redação: Rodrigo Freitas (CCOM-MPMA)

Senhor prefeito, faça uma visita ao Posto de Saúde do Parque Santa Lúcia é degradante as condições de trabalho dos servidores. O posto só ta funcionando, porque os próprios servidores levaram de suas casas os moveis do posto, se o posto tem vacinas é porque os servidores levaram de suas casas, a geladeira, como também, armários, mesas e cadeiras. Tenha dó senhor prefeito, o senhor já mostrou pra cidade toda que a prefeitura tem muito dinheiro, resolva essa situação vergonhosa.

O governo do “a gente faz”, não esta fazendo. Segundo denúncias feitas nas redes sociais por uma agente de saúde, o posto de saúde do Parque Santa Lúcia, esta completando 5 dias sem energia, a mesma foi cortada por falta de pagamentos. Se tiver alguma vacina nesse posto, já estragou. O carnaval “a gente faz”, levou mais de um milhão de reais, enquanto que a nossa saúde ta desse jeito.

Aquilo que ta ruim pode ficar pior. As coisas já não estavam nada boas pra Flávio Dino, imagina agora com José Reinaldo na oposição e José Sarney na coordenação da campanha de Roseana. José Reinaldo trará contigo todos as lideranças que sempre o acompanhou, já o velho Sarney vai começar a chamar um por um das antigas lideranças de cada município, até mesmo aqueles que hoje estão comendo do pirão dos comunistas. Em pouco tempo veremos pedindo votos pra “Branca” a maioria dos prefeitos e ex prefeitos. A sina de coveiro de Márcio Jerry mais uma vez prevalecerá.

O prefeitão postou uma foto nas redes sociais, dizendo que estava em reunião com o vice prefeito Alex Nunes e com pastores evangélicos para tratar da cobrança do IPTU das igrejas evangélicas. É uma reunião totalmente descabida, uma vez que ele não tem competência e nem autoridade pra discutir tal matéria, pois a isenção de impostos para templos de qualquer culto, esta prevista no artigo 150 da nossa Carta Magna e pra que haja cobrança é preciso que a constituição seja alterada e somente o Congresso Nacional tem competência pra isso, então é chover no molhado.

Parece que Madeira vai abandonar a chapada

Uma coisa é inegável, o ex prefeito nasceu foi com o corpo todinho virado pra lua. Quando todos pensam que ele ta morto, ele ressurge das cinzas como uma Phoenix. Ao deixar o governo em 2016, Madeira saiu muito enfraquecido pelo desgaste sofrido no seu segundo mandato, somado a isso veio a disputa pelo controle do partido, o PSDB. Com o desligamento do vice governador Carlos Brandão do partido, começou a debandada e o desespero do cabecinha de sola começou e foi aí que a estrela dele começou a brilhar. O afastamento de vários políticos do grupo dos comunistas, como o ex governador José Reinaldo, Waldir Maranhão, Wellington do Curso, Maura Jorge e vários outros, como também a possibilidade de Eduardo Braide se filiar no PSDB e ser o candidato do partido ao governo do estado, isso poderá deixar o partido muito forte e com isso o fortalecimento da candidatura de Madeira a deputado federal. Lógico que ele tem seus méritos e é um excelente articulador, mas convenhamos, vai ter sorte assim lá na conchinchina!!!

Segundo a Coluna Estado Maior do Jornal O Estado do Maranhão, o governador Flávio Dino segue colecionando desafetos, a coluna só esqueceu de incluir o povo entre os traídos e com certeza tá sendo o mais prejudicado. Veja abaixo a íntegra da publicação: 

A traição do governador Flávio Dino (PCdoB) ao ex-governador José Reinaldo Tavares (sem partido) foi só mais um golpe na rede de aliados que se envolveu com ele, desde 2006, para levá-lo à vida pública. De lá para cá, grande parte dos líderes foi esvaziada pelo próprio Dino, que tenta, ao lado do seu lugar-tenente Márcio Jerry, construir um núcleo próprio de poder que não inclui nenhum desses aliados.

Na lista de desafetos construída por Flávio Dino, estão o senador Roberto Rocha e o ex-prefeito de Imperatriz Sebastião Madeira (ambos do PSDB), a ex-prefeita Maura Jorge (Podemos), os deputados estaduais Eduardo Braide (PMN) e Wellington do Curso (PP), o ex-prefeito de Barreirinhas, Leo Costa (PSDB), além de prefeitos como Luciano Genésio (Avante), de Pinheiro, e Hilton Gonçalo (PCdoB), de Santa Rita.

No seio do governo, há ainda uma série de insatisfeitos, que não têm a coragem ou a condição de independência necessárias para romper, mas que seguem com o comunista ressentidos com sua postura de hegemonia do PCdoB e de Márcio Jerry.

Neste grupo, estão os deputados federais Eliziane Gama (PPS) e Waldir Maranhão (Avante), o prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra (PCdoB), e uma infinidade de deputados estaduais frustrados com a política de exclusão do governador.

É com toda essa turma que Flávio Dino seguirá para a disputa eleitoral de outubro. O que pode cobrar um alto preço eleitoral.

O delegado-prefeito prometeu fazer o concurso da guarda municipal ainda em seu primeiro ano de governo, até hoje não fez, mas um fato curioso tem chamado à atenção das pessoas que acompanham o site da prefeitura, a guarda municipal já tem o seu diretor, é o delegado aposentado José Ribeiro de Oliveira. Pode não ter os servidores, mas o chefe já foi escolhido

Obra fantasma

Uma obra que esta sendo feita junto as delegacias do primeiro distrito, vem chamando à atenção, a obra não tem placa de identificação. Ninguém sabe o que esta sendo feito, ninguém sabe qual o valor da obra. A Lei Federal nº 5.194/66 em seu artigo 16, diz que toda obra publica tem que ter uma placa de identificação, dizendo o valor da obra, o inicio da obra, o termino da obra, o nome do engenheiro e as fontes dos recursos. Por que o CREA só fiscaliza obras de particulares???

1 2 3 8