O caos anunciado

Comentários 0

Em dois meses de governo, nenhuma ou praticamente nenhuma ação foi vista visando amenizar os transtornos causados pelos buracos de nossa cidade. A situação não poderia ser outra, a cidade esta tomada de buracos. O centro da cidade esta parecendo um queijo suíço, os bairros a situação é ainda pior. A impressão que se tem, é que tudo isso foi feito de propósito para decretar situação de emergência. A partir de agora toda formalização de contratos, será dispensada, o Prefeito pode contratar quem ele quiser, não precisa fazer licitação. Segundo o Ministério da Integração Nacional, a situação de emergência é decretada quando em razão de desastre naturais ou provocados pelo homem, causando grave pertubação sobre no funcionamento de uma comunidade ou sociedade. Não é o caso de Imperatriz, os buracos foram surgindo dia após dia, sem que nada fosse feito. O único desastre que os Imperatrizenses estão acompanhando, é essa administração. O próximo decreto deve ser em cima da saúde. Que o Ministério Público possa investigar os reais motivos desse decreto, e principalmente, analisar as empresas e as condições firmadas nos contratos que serão feitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *