Monthly Archives: julho, 2016

PC do B

Os comunistas já estavam praticamente fechados na proporcional com o PMN, ontem circulou nas redes sociais a informação de que o PMN teria abandonado os comunistas. Isso coloca os VERMEIM numa situação complicada, os votos dos candidatos do PMN ajudaria muito a eleger pelo menos um candidato comunista. Em 2012 o PCdoB teve cerca de 8.500 votos, Marco Aurélio sozinho teve 3.500 votos, sem os seus votos, o partido não teria feito nenhum vereador. Se o vice comunista for confirmado na convenção, o partido deixa de ter 2 candidatos a vereadores, o vice e Marco Aurélio, agora mais do que nunca, vai precisar se agarrar a algum partido  para tentar salvar pelo menos o Vereador Carlos Hermes.

Prefeito evando viana print carro conselho tutelar sem combustivel 2

A bruxa ta solta em Governador Edson Lobão, primeiro o Ministério Público quer a demissão imediata dos parentes do Prefeito Evando Viana. Ele terá que demitir a mulher, o irmão, o genro, papagaios e periquitos. Agora nos chega essa informação, essa é a foto do carro do Conselho Tutelar abandonado as margens da BR 010 sem combustível e com a bateria arriada. Outro pequeno detalhe, os Conselheiros estão a três meses sem ver a cor do Din Din. A informação foi prestada pelo Advogado Marcus Freitas em sua pagina no Facebook. Só pra lembrar, ele é candidato a reeleição, imagina o estrago que ele vai fazer em sendo reeleito.

Pinocchio

O famoso secretário que chegou botando as manguinhas de fora, aos poucos vai se recolhendo a sua insignificância. Aqui na terra do Frei, ele já é considerado PERSONA NON GRATA, quando por aqui aparece, fica o tempo todo entocado. Até sua irmã que queria ser candidata a prefeita em uma cidade onde Judas perdeu as botas, não vai da mais, ela só não esta em quarto lugar, porque são só três candidatos. Pra não ficar desmoralizado na currutela, ele ta tentando emplacar o irmão como vice, e a irmã vai pra vereadora. Dizem que ele quer ser Deputado Federal em 2018, mas pelo andar da carruagem, talvez não saia nem a estadual.

Deu no Minard, com edições:

Prefeito evandro

Pense num Prefeito atrapalhado

O Ministério Público do Maranhão encaminhou, no último dia 18, Recomendação ao prefeito de Governador Edison Lobão, Evando Viana de Araújo, solicitando a exoneração, em 10 dias, dos titulares das pastas de Ação Social, Meio Ambiente e Finanças do município, Irislândia Cavalcante de Araújo, Edivaldo Viana Araújo e Anderson Wyharlla Galvão Lima, respectivamente: esposa, irmão e genro o gestor municipal.

A Súmula Vinculante 13, do Supremo Tribunal Federal proíbe a contratação de parentes para cargos sob influência direta da autoridade nomeante na União, Estados e municípios.

Segundo a autora do documento, a promotora de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e Probidade Administrativa da Comarca de Imperatriz, Nahyma Ribeiro Abas, a única justificativa para as nomeações foi a relação de parentesco entre o prefeito e os titulares das pastas. “Não foram apresentadas quaisquer justificativas de natureza profissional, curricular ou técnica”, enfatiza.

Os três secretários municipais não possuem formações específicas para administrar as pastas que ocupam. Todos somente concluíram o ensino médio.

O Secretário de Meio Ambiente e irmão do prefeito, Edivaldo Viana de Araújo é corretor imobiliário. O titular da pasta de Finanças, genro de Evando, Anderson Wyharlla Galvão Lima, era pastor evangélico e trabalhava na imobiliária do prefeito.

Antes de ser secretária de Assistência Social, a mulher do prefeito, Irislândia Cavalcante de Araújo era comerciante na área imobiliária. Em depoimento ao MPMA, ela declarou que o “prefeito queria lhe dar um emprego e que é costume os prefeitos nomearem suas esposas para esse cargo”.

“Por exigir experiência e formação mínima nas áreas de atuação; envolver políticas públicas e ordenação de despesas, além de concentrar parte considerável das receitas públicas do Município, os cargos requerem capacidade técnica específica”, explica a promotora.

Nesta ação o MP pede ainda a exoneração de cônjuges, companheiros ou parentes do vice-prefeito, secretários municipais, chefe de gabinete, procurador-geral do Município, vereadores ou servidores com cargos de direção, chefia ou de assessoramento na Administração Municipal de Governador Edison Lobão.

Pela Recomendação, o prefeito também não deve nomear pessoas para cargos, não contratar servidores temporários, sem processo seletivo, em casos que se caracterizem como nepotismo. O mesmo vale para contratar empresas, aditar ou prorrogar contratos sob responsabilidade de pessoas que se enquadrem nos critérios previstos pela Súmula Vinculante nº 13, do STF.

Deu no G1, com edição:

Pernilongo

A bióloga Constância Ayres, da Fiocruz Pernambuco, fez uma descoberta inédita que tem o potencial de proporcionar um salto no conhecimento dos cientistas sobre o vírus Zika, e mudar radicalmente a estratégia brasileira de prevenção dele.

Ayres conseguiu encontrar, pela primeira vez, pernilongos carregando o vírus na natureza.

Na quinta-feira, a Fiocruz anunciou oficialmente que o mosquito Culex quinquefasciatus, conhecido como muriçoca ou pernilongo doméstico, também pode transmitir o vírus que causa microcefalia e malformações em bebês.

Até então, cientistas acreditavam que o mosquito Aedes aegypti era o principal vetor do vírus no Brasil. Agora, de acordo com Ayres, os cientistas precisam determinar qual das duas espécies é a mais importante na epidemia de Zika no Brasil.

Durante o anúncio, a Fiocruz afirmou que, até que se compreenda a importância do pernilongo na epidemia, a política de controle da Zika continuará focada no Aedes aegypti.

Mas dependendo dos resultados, seria necessária uma “mudança radical” na atual estratégia atual de controle da epidemia, afirma a pesquisadora.

“Não existem estratégias de controle do Culex no Brasil. Isso vai ter de mudar radicalmente”, diz.

Em entrevista à BBC Brasil, Ayres esclareceu a dúvidas sobre o andamento da pesquisa e as implicações de sua descoberta.

1. Como determinou-se que o pernilongo pode transmitir o vírus Zika?
A pesquisa analisou 500 pernilongos capturados na Região Metropolitana do Recife. Eles foram obtidos em locais onde havia casos notificados de Zika, segundo Ayres, para aumentar a possibilidade de se encontrar o vírus no ambiente.

Os pernilongos foram divididos em 80 grupos e o vírus foi encontrado em três deles. Em dois destes grupos, de acordo com a Fiocruz, os mosquitos não estavam alimentados. Isso demonstra “que o vírus estava disseminado no organismo do inseto e não (foi contraído) em uma alimentação recente num hospedeiro infectado”.

No laboratório, a equipe de Ayres alimentou os mosquitos com uma mistura de sangue e vírus, para entender como o Zika se replica dentro dos insetos.

Em seguida, os pesquisadores investigaram o intestino e a glândula salivar dos mosquitos. Se o pernilongo não fosse vetor, seu intestino bloquearia o desenvolvimento do vírus dentro do organismo.

Mas, se o vírus conseguisse se replicar, ele chegaria até a glândula salivar do Culex e poderia ser transmitido para humanos durante a picada.

Dessa forma, a equipe de Ayres confirmou que o Culex pode carregar o vírus em seu organismo. Amostras da saliva dos pernilongos infectados foram analisadas, e continham quantidades de vírus semelhantes às encontradas na saliva do Aedes aegypti.

Segundo Ayres, outra descoberta da Fiocruz Pernambuco dá força à hipótese: um grupo de pesquisa percebeu que a distribuição geográfica da filariose (elefantíase) e do Zika vírus em Recife é muito semelhante.

Em Recife, o Culex quinquefasciatus é o único mosquito que transmite o parasita que causa a elefantíase. “Somos a única área do Brasil endêmica para essa doença”, explica a bióloga.

“Cerca de 85% das mães que tiveram bebês com microcefalia por causa do Zika estão em áreas muito precárias, sem saneamento básico, onde ocorre mais a filariose. Isso pode explicar a participação do Culex na transmissão da Zika e dar suporte à nossa hipótese.”

“O Aedes aegypti, por outro lado, está mais distribuído na cidade. Vemos que a dengue é uma doença bem democrática, não está só em áreas precárias”, afirma.

2. O pernilongo também pode ser vetor de tranmissão de dengue e chikungunya?
De acordo com a Fiocruz, a pesquisa deu prioridade ao vírus Zika por causa da epidemia da doença no Brasil e sua ligação com a microcefalia.

Apesar da epidemia de chikungunya, que também atinge principalmente Estados do Nordeste, ainda não se sabe se esta doença também pode ser transmitida pelo Culex.

Ayres afirma que o vírus da dengue já foi encontrado em pernilongos coletados em campo, mas ainda não se confirmou se ele pode ser seu vetor.

3. Se o pernilongo for o principal transmissor, qual seria o impacto desta descoberta?
Para Ayres, isso significaria a necessidade de alterar a estratégia atual de controle da epidemia de Zika, completamente focada no controle da população do Aedes aegypti.

“Não existem estratégias de controle do Culex no Brasil. Isso vai ter de mudar radicalmente, e é por isso que as autoridades exigem muita cautela e mais comprovação. É natural que seja assim”, diz.

O pernilongo tem hábitos diferentes do Aedes aegypti. É mais ativo à noite, por exemplo, o que tornaria importante a proteção com repelentes e roupas compridas também neste horário, especialmente para gestantes.

Ele também prefere colocar seus ovos em locais extremamente poluídos como esgotos, fossas e canaletas, o que, segundo a pesquisadora, tornaria as medidas de saneamento básico ainda mais “urgentes” para evitar novos casos de Zika e microcefalia em bairros mais precários.

“O saneamento básico não erradicará o mosquito, mas vai ajudar no seu controle populacional. As medidas de saneamento ajudam a manter o mosquito em um nível no qual não teremos grande epidemia, apenas casos esporádicos da doença.”

4. Quais são os próximos passos da pesquisa?
Segundo Ayres, sua equipe agora investigará qual é exatamente a capacidade vetorial do Culex, ou seja, quão eficiente ele é para carregar e transmitir o vírus.

“Já sabemos que a taxa de infecção natural do Culex é semelhante à do Aedes aegypti, mas isso envolve outros aspectos biológicos do mosquito na natureza: o tamanho da sua população, a longevidade dessas espécies, o número de picadas que dão no homem, se preferem se alimentar do sangue humano ou não”, afirma.

“Quando tivermos essas informações, poderemos saber qual das duas espécies tem maior importância na transmissão do Zika.”

De acordo com a bióloga, a população de pernilongo em Recife é 20 vezes maior que a do Aedes aegypti. Mas, apesar desta vantagem populacional do Culex, o Aedes pica mais vezes uma pessoa para se alimentar.

É necessário entender, por exemplo, se picar várias vezes faz do Aedes vetor mais competente de transmissão do vírus.

A equipe pernambucana também investiga a possibilidade de a fêmea do pernilongo transmitir o vírus para sua prole ainda nos ovos.

“Coletamos os ovos dos mosquitos infectados, as larvas eclodiram, deixamos crescer até virarem adultos e congelamos o material. Vamos analisá-lo”, explica Ayres.

“Se conseguirmos detectar o Zika, significa que eles contraíram o vírus da mãe. Isso tem importância epidemiológica, porque é mais uma forma de o vírus se manter presente na natureza. Ele poderia permanecer no ambiente sem necessariamente ter de passar por humanos.”

No ciclo de transmissão de doenças como o Zika, o Aedes aegypti pica uma pessoa doente, se infecta e leva o vírus para outras pessoas. Ele não transmite o Zika, até onde se sabe, a seus ovos.

5. A descoberta do Culex como vetor do Zika é preocupante para outros países do mundo?
De acordo com a bióloga, o Culex quinquefasciatus está presente em todas as áreas urbanas de regiões tropicais, subtropicais e temperadas – de clima mais frio, como países do Norte da Europa, Canadá e Austrália. Já o Aedes aegypti fica restrito às regiões tropicais e subtropicais.

Ela esclarece, no entanto, que mostrar a capacidade do Culex de transmitir Zika no Brasil não significa que o mesmo ocorreria, por exemplo, nos Estados Unidos.

“Existe a possibilidade, mas cada população deve ser investigada, principalmente porque o Culex quinquefasciatus, que é o que temos no Brasil, é parte de um complexo de espécies”, diz.

“Nos Estados Unidos existem outras subformas dessa espécie de mosquito. E não sabemos ainda se a competência vetorial de todas as espécies é a mesma.”

Eduardo jorge

Eduardo Jorge vem consolidando o seu trabalho rumo a Prefeitura de Ribamar Fiquene. Eduardo é filho do ex Prefeito Raimundo Jorge, pessoa muito querida na cidade. Das pretensas candidaturas que ora se apresenta, Eduardo leva vantagem, é o mais preparado, ele hoje é um grande Advogado e com know-how para administrar a nossa querida “Sumaúma”. Vários partidos estão se aliando ao seu projeto, tudo indica que será a maior coligação da cidade.

Flavio dino e madeira

O Governo do estado ficou de repassar todos os meses, cerca de R$ 400 mil reais para ajudar na manutenção da UPA do Parque São José. O Prefeito Madeira resolveu não apoiar o candidato do governo, preferiu apoiar a candidatura de Ribinha Cunha. Há quem diga que por conta desse posicionamento do Prefeito Madeira, o governo do estado não vai mais repassar um centavo para a manutenção da UPA

Interrogação 2

Ganha um Grapete e um pão doce quem souber qual é o estado da federação, que tem sua gestão copiada do modelo e pratica dos governos PTistas, inclusive com direcionamento de licitações.

Deu no Neto Ferreira

A farra no período junino foi boa no município de Cidelândia. A cidade é pequena, mas os gastos foram grandes. De acordo com o Diário Oficial do Maranhão, os quatro dias de festa custaram aos cofres públicos a quantia de R$ 320.300,00.

A empresa que realizou o “São João 2016” em Cidelândia foi a D M Sampaio Comércio e Construção, do município de Penalva. A empresa ficou responsável pelas bandas, quadrilhas, locação de palco, som, iluminação, gerador e seguranças para o evento.

De acordo com o extrato do contrato, o acordo foi firmado no dia 19 de julho deste ano. Portanto, depois do período das festas; ou seja, de acordo com o documento abaixo, o contrato só foi firmado depois da realização do evento. Foi  o próprio prefeito do município, Ivan Antunes Caldeira, quem assinou o acordo.

cidelândia

1

1 2 3 4 8